Carrancas

Somos de uma espécie que vamos contar agora e que de vez em quando, se não tá bom, a gente muda.

Siga lendo esse texto e você conhecerá, ao longo dele e aqui abaixo, a turma que faz essa redação virtual, heterogênea e somente possível, talvez, por ser na amarra dessa experiência interpessoal, editorial e em rede. Piano tocado a duas, quatro, seis ou oito mãos, conforme a pauta até mais, e publicado com um nada horizontal “ok” do núcleo editorial composto por alguns fundadores.

A escolha (por enquanto) desse critério de processo é resultado de experiências, erros e acertos. Apesar da busca pela horizontalidade, lidamos com conteúdo sensível que é a opinião política, somos um elenco pequeno e diverso, a maioria esmagadora sem dedicação exclusiva, mas temos uma página para manter no ar e não queremos perder o rumo ou o fundamento que originou o coletivo. Preferiríamos afirmar que a verticalidade ainda persiste um tanto por aqui porque o cachimbo entortou a boca do marujo. Ou poderíamos clamar que aqui não se é vertical, horizontal ou diagonal, mas transparente. Tudo isso é verdade. Mas por enquanto nos chama à atenção que nos debatemos no exercício do desapego e tentamos descobrir, na marra, como fazer de modo colaborativo e diferente.

Se não posso dançar esta não é minha revolução, pois as gafieiras têm regras e as Carrancas também. Então anote aí: nenhum de nós, individualmente, decide ou responde pelo grupo; matérias assinadas são de inteira responsabilidade de seus autores e não representam, necessariamente, em parte ou em sua totalidade, a opinião do coletivo; você, leitor, pode não concordar com determinado posicionamento e observar contradição entre os autores, revele nossa provável ignorância livremente quando a encontrar, mas mantenha o debate em alto nível. A gente quer evoluir.

Não somos indústria. Não temos dinheiro. Ainda não temos equipe na rua todo dia nem em todo lugar. Não temos que bater ponto e se viramos a noite na matéria foi por tesão ou pela urgência da causa e porque foi possível. Colaboramos aqui com nosso talento, tempo e trabalho porque estamos a fim, porque somos viciados nisso ou porque, quem sabe, teimemos na pretensão de ser outra chance a quem faz informação, a quem lê e a quem é notícia.

Núcleo Editorial

Leonardo Soares Coelho

Leonardo Soares Coelho

Fotógrafo e jornalista

Raquel Boechat

Raquel Boechat

Queria ser Lispector, mas acabou Jornalista, Roteirista, Radialista, Mestre-Arraes e Mergulhadora que não sabe nadar, Cineasta sem filme, Escritora sem livro publicado. Então voltou pra escola para ver se faz Direito. No meio disso criou 17 APAs e encarou uma pós em Arqueologia. Neste momento é a especialista Marketing Político que chutou o pau da barraca em 2013 e virou manifestante sem cachê.

Na Proa

Alex Frechette

Alex Frechette

Artista Plástico e Escritor.

Ana Fellows

Ana Fellows

Bióloga, Pesquisadora e Tradutora.

Augusto Lima

Augusto Lima

Jornalista e escritor, também conhecido como Antuane Gestalt. Defensor da democracia participativa e das ruas como vias legítimas das verdadeiras transformações sociais.

Binho Baderna Miranda

Binho Baderna Miranda

Diretor de Arte e Designer Gráfico

Luiz Roberto Lima

Luiz Roberto Lima

Fotojornalista e amante da vida. Na busca de aprender mais, certo que só o dialogo com o outro nos torna melhor.

Cristiane Vilanova

Cristiane Vilanova

Advogada e consultora jurídica do coletivo desde sua criação.

Edilson Martins

Edilson Martins

Jornalista, documentarista e escritor acreano com oito livros relacionados à Amazônia. Prêmio televisivo Wladimir Herzog e autor da última entrevista de Chico Mendes, na qual o ativista denunciou que estava marcado para morrer.

Eduardo Logullo

Eduardo Logullo

Jornalista e Roteirista

Filipe Gonçalves

Filipe Gonçalves

Produtor cultural, serrrano, fruto de um caminhoneiro e uma professora de artes, mistura poeira de estrada com poesia e segue vivendo...

Frons

Frons

Sem cor e sem forma, espírito errante que inspira os que lutam por liberdade e justiça, onde um cidadão se levantar contra a opressão, ele estará presente.

Hare Brasil

Hare Brasil

Logo aos 5 anos de idade decidiu ser advogado, como o déficit de atenção é grande, antes passou pela Música e Teologia. Atuante na área criminal trabalha na defesa dos Direitos Humanos.

João Paulo Cuenca

João Paulo Cuenca

Escritor e colunista

Kadeh Ferreira

Kadeh Ferreira

Fotógrafo e jornalista, também apresenta o programa de entrevistas Da Cartola (http://goo.gl/WUKHDO)

Leonardo Carrato

Leonardo Carrato

Fotógrafo...

Lucas dos Santos

Lucas dos Santos

Fotógrafo, leitor de Marx, Espinosa e Nietzsche, estudante de filosofia...

Luciano Silva

Luciano Silva

Afeito a hecceidade, ora brinca de professar filosofias, ora brinca de fotógrafo ativista, mas sempre é a brincadeira que aponta (sendo apontada) para as realizações do hoje, tal qual ontem, que do amanhã não fugirão!

Mario Rocha

Mario Rocha

Uma vez ouviu de sua mãe que tudo que ela falava era pra lhe poupar sofrimento com a vida, mas ele sempre preferiu aprender vivendo. Já foi guia turístico, entregador de farmácia, tecnico de informática, animador de circo, ator e mais uma série de coisas que lhes são muito úteis até hoje, nem que seja pra contar história.

Massashi Hosono

Massashi Hosono

Designer gráfico de profissão e nas horas vagas. Pensa e come política o tempo todo. Não quer "mudar o mundo", mas entendê-lo e transformá-lo (e ser transformado com ele) na medida do possível. Porque ainda é possível.

Otávio Brum

Otávio Brum

Otávio é esquerdo, apesar de destro. Também é jornalista e especialista em Mercado Editorial, Literatura Brasileira e Porrinha.

Pedro Rezende

Pedro Rezende

Apaixonado por códigos, tecnologia e diferentes culturas.

Rachel Gepp

Rachel Gepp

Publicitária, ilustradora, fotógrafa, comunicadora popular e militante defensora de direitos humanos.

Renan Coss

Renan Coss

Um eterno viajante que escolheu o mundo como a sua pátria. Amante da comunicação desde pequeno, enveredou pelo comércio quando, de repente, a vida o escolheu como cinegrafista. E um dia lá estava ele no meio das manifestações "levando bomba e gás" para mostrar o outro lado da moeda enquanto redescobria sua antiga paixão. Desde então, decidiu não parar mais e percorrer o mundo com uma câmera na mão.

Rui Massato Harayama

Rui Massato Harayama

Antropólogo, Colaborador da Comissão de Direitos Humanos e da Comissão de Educação do Conselho Regional de Psicologia do Rio de Janeiro. Ativista do Fórum sobre Medicalização da Educação e da Sociedade.

Ruy Barros

Ruy Barros

Fotógrafo e maranhense da ilha!

Tainá Moraes

Tainá Moraes

Designer porque não teve coragem de fazer Artes Visuais e só por birra fez uma segunda formação em cinema. Mas fora os filmecos da graduação, nunca fez um único movie porque dá um trabalho... Bate ponto resignadamente todo santo dia na Universidade Federal da Bahia, onde se reduz, diariamente, à sua insignificância. Sofre de preguiça crônica.

Thiago Ripper

Thiago Ripper

Fotógrafo e documentarista com foco em causas sociais, empenha sua lente e sua mente na construção de um mundo mais justo.

Yan Boechat

Yan Boechat

Jornalista e Fotógrafo